Portal do Governo Brasileiro
Sites de InteresseMapa do SiteOuvidoriaFale com o Inmetro
Página Inicial

Acreditação Nº 215
Data da Acreditação 27/12/2002
ACREDITAÇÃO VIGENTE Clique aqui para mais informações.
Última Revisão do Escopo 21/04/2021
Razão Social Metrolab Calibrações Ltda.
Nome do Laboratório Metrolab Calibrações
Situação Ativo
Endereço Rua Francisco Gonçalves Fonseca, 120
Bairro Eldorado
CEP 12238575
Cidade São José dos Campos
UF SP
Telefone (12) 3966-3008
Fax (12) 3966-7611

Grupo de Serviço de Calibração DIMENSIONAL
Gerente Técnico Antonio Rufino Junior
Email rufino@metrolabcal.com.br

ESCOPO DA ACREDITAÇÃO - ABNT NBR ISO/IEC 17025 - CALIBRAÇÃO


Descrição do Serviço Parâmetro, Faixa e Método Capacidade de Medição e Calibração (CMC)

(Realizados nas instalações permanentes)

INSTRUMENTOS E GABARITOS DE MEDIÇÃO DE ÂNGULO
GoniômetroAté 360° 0°04
Método de medição em projetor de perfil ou microscópio com escala goniométrica

INSTRUMENTOS E GABARITOS DE MEDIÇÃO DE COMPRIMENTO
Medidor de AlturaAté 600 mm 0,01 mm
Método de comparação com blocos padrão sobre desempeno de granito
Micrômetro ExternoAté 200 mm 0,001 mm
Método de comparação com blocos padrão, plano óptico e paralelo óptico
Micrômetro Interno de 3 pontas4 mm até 300 mm 0,002 mm
Método de comparação com anel liso cilíndrico
PaquímetroAté 600 mm 0,01 mm
Método de comparação com blocos padrão
Régua GraduadaAté 1 mm 0,001 mm
> 1 mm até 200 mm 0,009 mm
>200 mm até 2000 mm 0,08 mm
Método de medição da distância entre traços, por comparação à régua graduada utilizando lupa de medição
Método de medição da distância entre traços, com máquina de medição com sistema ótico acoplado
Relógio ApalpadorAté 2 mm 0,001 mm
Método de comparação com calibrador de relógios
Método de comparação com máquina de medição linear
Relógio ComparadorAté 100 mm 0,001 mm
Método de calibração com calibrador de relógios
Método de calibração com máquina de medição linear
TrenaAté 20 m 0,4 mm até 4,1 mm
Método de medição da distância entre traços, por comparação à régua graduada
ABNT NBR NM 10123:2012 ABNT NBR NM 10124:2014

PADRÕES DE COMPRIMENTO
Calibrador Anel Liso Cilíndrico4 mm até 14 mm 0,0007 mm
> 14 mm até 290 mm 0,0013 mm
4 mm até 14 mm 0,0007 mm
> 14 mm até 290 mm 0,0013 mm
Diâmetro: Método de comparação direta com padrão de comprimento (Calibrador Anel Liso Cilíndrico) utilizando uma máquina de medição linear
Calibrador Tampão Liso CilíndricoDiâmetro: 0 até 100 mm 0,0005 mm
Até 100 mm 0,0005 mm
Diâmetro: Método de comparação direta com padrão de utilizando uma máquina de medição linear
Haste PadrãoAté 100 mm 0,0008 mm
> 100 mm até 200 mm 0,0010 mm
> 200 mm até 300 mm 0,0011 mm
> 300 mm até 500 mm 0,0014 mm
Método de comparação máquina de medição linear

PADRÕES DE FORMA, POSIÇÃO E ORIENTAÇÃO
Desempeno575 mm até 2000 mm 4 µm
Determinação de topografia e do erro de planeza com nível eletrônico

(Realizados nas instalações do cliente)

INSTRUMENTOS E GABARITOS DE MEDIÇÃO DE COMPRIMENTO
Medidor de AlturaAté 600 mm 0,01 mm
Método de comparação com blocos padrão sobre desempeno de granito
Micrômetro Externo0 até 500 mm 0,001mm até 0,002mm
Até 200 mm 0,001 mm
Método de comparação com blocos padrão, plano óptico e paralelo óptico
Micrômetro Interno de 3 pontas4 mm até 300 mm 0,002 mm
Método de comparação com anel liso cilíndrico
PaquímetroAté 600mm 0,01 mm
Método de comparação com blocos padrão
Relógio ComparadorAté 20 mm 0,003 mm
Método de calibração com calibrador de relógios

PADRÕES DE COMPRIMENTO
Calibrador Tampão Liso CilíndricoAté 100 mm 0,002 mm
Diâmetro: Método de comparação direta com padrão de comprimento (Bloco padrão) utilizando Micrometro externo

PADRÕES DE FORMA, POSIÇÃO E ORIENTAÇÃO
Desempeno575 mm até 2000 mm 4 µm
Determinação de topografia e do erro de planeza com nível eletrônico.



Observações:

  1. A capacidade de medição e calibração (CMC) refere-se á menor incerteza que o Laboratório é capaz de obter, com uma probabilidade de abrangência ou nível da confiança de aproximadamente 95%. Caso o laboratório utilize mais de um método para realizar uma determinada calibração ou medição, a CMC se referirá ao método pelo qual o laboratório obtém a menor incerteza de medição. (Ver NIT-Dicla-021)
  2. A CMC identificada por um asterisco (*) não inclui todas as contribuições oriundas do instrumento ou padrão calibrado ou do dispositivo medido.
  3. O Laboratório poderá declarar em seus certificados de calibração, incertezas de medição maiores que a sua CMC, devido às contribuições relativas ás propriedades ou características do padrão ou instrumento de medição calibrado.